Informativo

Informativo Centelhas de Esperança

Informativo O Informativo "Centelhas de Esperança" é um Projeto sonhado a anos, que finalmente pôde ser realizado, graças à união de um grupo de amigos que voluntariamente se dedicaram à fundação do Instituto Beneficente Chico Xavier.

Sendo parte integrante do Instituto Beneficente Chico Xavier, o informativo será divulgado através do site da Instituição e também pela mídia impressa.

Estaremos divulgando com maior abrangência o trabalho assistencial realizado pelas Instituições Beneficentes, espíritas ou não.

Apresentaremos a história e trabalho realizado por Editoras e Distribuidores de Livros Espíritas, bem como Clube de Livros Espíritas de todo Brasil, que revertem parte ou totalidade de sua renda em prol de Instituições Beneficentes, muitas delas tornando-se sua principal mantenedora.

O Informativo  trará matérias sobre confrades espíritas que desenvolvem trabalhos de divulgação da Doutrina Espírita, como editores e oradores, mostrando a importância e responsabilidade que devemos ter com a divulgação da Doutrina Espírita.

Sejam todos bem-vindos ao Informativo "Centelhas de Esperança".

Navegue pelo nossos artigos pelo "Menu informativo ao lado"

Em 1985, ao retornar para casa após mais um dia de trabalho, encontrei minha esposa acometida de uma inexplicável tremedeira. Entretanto, ela não estava doente e me disse que ficara assim após voltar da casa de uma amiga que se dizia espírita e que lhe dissera que aquela tremedeira tinha o nome de mediunidade.

Como eu e minha esposa não sabíamos o que era ser espírita, Espiritismo ou o que significava a palavra mediunidade, fui atrás de respostas. Foi quando tive a grata e maravilhosa surpresa de ser apresentado à Doutrina dos Espíritos. Inicialmente pareceu amor à primeira vista, embora em vários momentos ao longo dos anos, ao ler coisas que me pareciam uma releitura, assemelhava-se mais a um reencontro, o que posteriormente me foi confirmado por amigos espirituais.

Como sempre fui um leitor compulsivo, em pouco tempo eu já havia lido a Codificação e vários livros da série André Luiz. É evidente que eu gostei de todos. Entretanto, o que eu achava meio estranho, era a notoriedade que envolvia o médium Chico Xavier. Afinal, pelo que eu lera até então, para mim ele era “apenas” um médium, um “simples” instrumento da Espiritualidade amiga que nos brindava com obras sérias e maravilhosas.

Leia mais...

 

 Por: Wellington Balbo

O gosto pelo futebol me faz, sempre que possível, acompanhar com atenção os campeonatos estaduais. O Brasil é ainda o grande celeiro de craques do mundo, e nossos atletas desfilam pelos campos, com exímia habilidade, fazendo gols dos mais belos.

No entanto, não obstante a facilidade para empurrar a bola para as redes, parece-me que as comemorações dos tentos estão em descompasso com o que deve transmitir o esporte, pois nossos goleadores comemoram suas façanhas, nos gramados, imitando matadores com metralhadoras e revólveres. Ora, poderiam homenagear outros profissionais. Quem sabe os garis, os padeiros, os médicos, os pintores, os engenheiros... São tantas as atividades dignificantes, mas os atletas preferem reverenciar a triste figura do matador.

Acredito que eles – os atletas – não têm a exata noção de que são exemplos para a garotada. Meu filho, João Antonio, de 6 anos, antes palmeirense, virou casaca e bandeou-se para o lado corintiano, tudo por causa de Ronaldo e sua genialidade com a bola nos pés. Bem, coisas da vida... Mas, voltando às comemorações, se eu fosse um craque dos gramados, minha comemoração seria bem mais original. Neste 2010, em todos os gols, iria imitar um homem lendo livros ou, quem sabe, psicografando. Obviamente, foi o que fez Chico Xavier, em grande parte de sua vida: leu e psicografou obras das mais importantes da literatura mundial. Muito mais coerente é divulgar a figura amorosa e pacífica de Chico Xavier do que a de um homem atirando. Será que os atletas não se cansam de ver tanta violência, para repetir esses gestos nos gols? Porém, se eu fosse um craque dos gramados, faria diferente, e a mídia focalizaria minha figura homenageando Chico Xavier, o notável médium psicógrafo que, neste 2010, se estivesse encarnado, completaria 100 anos de existência física.

Leia mais...

CENTRO ESPÍRITA FRANCISCO XAVIER DOS SANTOS – 88 ANOS DE AMOR AO PRÓXIMO

Uma Casa Espírita bem estruturada, alicerçada no fundamento básico da Doutrina Espírita, codificada por Alan Kardec e no amor ao próximo seguindo a máxima que Jesus nos ensinou “Amar ao próximo como a si mesmo”, é fundamental para auxiliar uma pessoa que chega à Casa Espírita em busca de orientação e consolo.

É o caso do Centro Espírita Francisco Xavier dos Santos, que foi fundado e consolidado em cima de muita paz e amor em 22 de março de 1923, por Marcelino Martinez.

Foram 17 anos de luta e trabalho em prol da Doutrina e da população que participava das reuniões do Centro, até ser fundado sua sede própria.
Neste mesmo ano, em 1940, o trabalhador José Gonçalves, funda o Lar de Idosos, aprovado por unanimidade por toda diretoria do Centro Espírita Francisco Xavier dos Santos.

Leia mais...

WELLINGTON BALBO –  INCANSÁVEL DIVULGADOR ESPÍRITA

O Movimento Espírita é amplo e a divulgação da Doutrina Espírita é feita, contínua e incansavelmente para atingir todos os cantos do Brasil.
Isto vem sendo realizado com calma e persistência por muitos trabalhadores da Seara Espírita.

Sendo assim, nada mais justo que apresentar um dos muitos tarefeiros de Jesus, que vem trabalhando com grande ânimo e vitalidade em prol da Doutrina Espírita.

Wellington Balbo nasceu em 08 de Março de 1975, na cidade de Cafelância – SP

Tem dois filhos, Olívia de 13 anos e João Antonio de 8 anos.

Leia mais...

O mundo em que vives assemelha-se a um chão de Rosas, a receber todo o carinho de Jesus e o amor de Deus.

Devemos interromper, de vez em quando, as nossas cogitações comuns, e meditar sobre as oportunidades valiosas que recebemos, como prêmio da vida, ao ingressarmos nos fluidos da carne.

Tudo para nós é ação benfeitora. Tudo que nos cerca são bênçãos do Criador a nos despertar para mais vida.Começa no mundo espiritual, o carinho com que os benfeitores nos gratificam, ao nos anunciarem a nossa volta.

E, quando queremos e aceitamos essa viagem de aprendizado, somente encontramos afabilidade, atenção e amparo, no arrumo das nossas bagagens.Todas as estradas são floridas, mesmo que os nossos olhos a vejam em formas de espinhos. Na profundidade, são flores que educam e instruem. É por isso que chamamos o ingresso na carne Chão de Rosas.

Pessoalmente, passamos por situações dolorosas quando na Terra, animando um corpo. Mas, depois, compreendemos que as trilhas pelas quais andamos foram as mais produtivas para a nossa experiência terrena, por tirar delas as mais ricas lições de amor e de vida, para com o coração torturado. Hoje, colhemos os frutos do que pudemos fazer em favor dos desesperados, face às lutas.

Dentro de nós nada falta. Existem todos os recursos apreciáveis, de modo a ajudar-nos, com eficiência, em todas as dificuldades que surgirem em nossos caminhos.

Estamos, pois, preparados para a luta, e o dever é lutar contra as nossas imperfeições, transformando-as em atividades do Bem, que vibra, sempre, na consciência, e se nos faz visível em toda parte da vida.

Onde estiveres, meu irmão, encontrar-te-ás num Chão de Rosas, desfrutando do perfume do Amor, fragrância que reacende os corações carentes. Compartilha da caravana da fraternidade, cujo ambiente é o universo. Sê cidadão do mundo sem limites.Vamos materializar o Bem, em todos os ângulos da existência, e fazer com que o Amor não perca a luminosa estrada dos nossos corações, onde deve nascer o Cristo de Deus a nos mostrar a felicidade.Tornamos a afirmar que a Terra é, pois, um Chão de Rosas, com as bênçãos de Deus a se mostrarem nas mínimas coisas: desde o pingo d'água, até os oceanos, dos elementos periódicos, aos mundos que circulam na criação do Grande Soberano, dos primeiros movimentos das células isoladas, à maravilhosa harmonia do corpo humano, a manifestar a inteligência racional e iluminada de Evangelho.

Se quiseres, poderás sentir e ver tudo florido, por onde andas, a convidar-te para o banquete celestial, pelas palavras inarticuladas dos ventos, das águas, das árvores, dos pássaros, das estrelas, de tudo que puderes observar, desde que tenhas carinho em teus gestos e amor no coração.

Não percas a oportunidade, tu que estás animando um corpo.

Abraça esse Chão de Rosas, como sendo oferta do progresso, e serás abençoado pelos frutos que deverás colher, assinalando a tua vida na correspondência da sementeira que lançaste no seio do solo.Que Deus e Jesus nos abençoem a todos, onde estivermos, dando início, se ainda não começamos, à prática do Bem, pelo Amor, e da Caridade, por Dever.

SHEILLA
(Do livro "Chão de Rosas", psicografia de João Nunes Maia ) - FELIZ DIA DAS MÃES


Cadastre-se em nosso informativo
  1. Nome
    Digite o seu nome
  2. Email(*)
    Digite o seu email
  3. Captcha
    Captcha
      RefreshInvalido

   

Clube do livro - Agosto 2019

Pesquisa

Receba o Informativo

  1. Nome
    Digite o seu nome
  2. Email(*)
    Digite o seu email
  3. Captcha
    Captcha
      RefreshInvalido

PodCast do Miécio

PodCast Espirita no. 20 - Obsessão, desobsessão

PodCast Espirita no. 20 - Obsessão, desobsessão

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/ooZ0N1)     No...

PodCast Espirita no. 19 - Mudanças na terra, como agir?

PodCast Espirita no. 19 - Mudanças na terra, como agir?

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/LT27eq)     No...

Podcast no.: 18 - Deficiências, por quê?

Podcast no.: 18 - Deficiências, por quê?

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/5V1Vug)     No...