Informativo

Informativo Centelhas de Esperança

Informativo O Informativo "Centelhas de Esperança" é um Projeto sonhado a anos, que finalmente pôde ser realizado, graças à união de um grupo de amigos que voluntariamente se dedicaram à fundação do Instituto Beneficente Chico Xavier.

Sendo parte integrante do Instituto Beneficente Chico Xavier, o informativo será divulgado através do site da Instituição e também pela mídia impressa.

Estaremos divulgando com maior abrangência o trabalho assistencial realizado pelas Instituições Beneficentes, espíritas ou não.

Apresentaremos a história e trabalho realizado por Editoras e Distribuidores de Livros Espíritas, bem como Clube de Livros Espíritas de todo Brasil, que revertem parte ou totalidade de sua renda em prol de Instituições Beneficentes, muitas delas tornando-se sua principal mantenedora.

O Informativo  trará matérias sobre confrades espíritas que desenvolvem trabalhos de divulgação da Doutrina Espírita, como editores e oradores, mostrando a importância e responsabilidade que devemos ter com a divulgação da Doutrina Espírita.

Sejam todos bem-vindos ao Informativo "Centelhas de Esperança".

Navegue pelo nossos artigos pelo "Menu informativo ao lado"

O filme “Nos Passos do Mestre” estréia dia 24 de março nas cidades de São Paulo, Guarulhos e Fortaleza. O longa analisa a jornada de Jesus na Terra pela visão espírita e busca desmistificar muitas das mensagens contidas nos textos sagrados e que até hoje ainda são mal compreendidas, para isso a equipe de produção foi até o Egito, Jerusalém, Turquia, Itália gravar nos lugares mais significativos da história cristã.

“Nos Passos do Mestre” deixa claro que Jesus em momento algum quis criar qualquer religião, mas sim disseminar o amor e a paz. A reencarnação também é abordada, mostrando que tanto no Velho Testamento quanto no Evangelho ela esteve presente, esclarecendo que Jesus não ressuscitou como muitos acreditam.

Leia mais...

Meu caro amigo(a) e leitor(a): não se impressione com o barulho que a mídia está fazendo com o tema "violência no país". Há um exagero em tudo isso. É claro que vivemos um período difícil e ninguém está querendo "tapar o sol com peneira", mas também vivemos o mais importante momento na história humana.

Mais importante porque toda essa crise moral vai despertar a humanidade. Se o ser humano não foi capaz de acordar com o ensino em todos os tempos, a dor será capaz de finalmente acordar-nos para a realidade e finalidade de existir.

A caminhada humana sempre foi de lutas e cada um, por si só, pode atestar essa afirmação em si mesmo. Quem de nós não trava imensas lutas interiores na conquista daquilo que julgamos o melhor para a própria felicidade...?

O que temos verificado, principalmente no recente dezembro e começo do ano, foi aquela "enxurrada" de pedidos de paz e votos de felicidade no ano novo. Pois bem, entrou o ano novo e a violência acelerou-se. O que acontece?

É que ficamos na teoria. O que efetivamente estamos realizando para construir a tão sonhada paz? Temos nos interessado pela imensa massa humana carente que está ao nosso redor? Que passa fome (de comida e de afeto), que não tem emprego, que vive esquecida e desprezada... Crianças sem rumo, sem escola, idosos abandonados, doentes sem assistência e tudo o mais que está por aí... Posição pessimista? Não, pura realidade que qualquer um constata a cada passo.

Leia mais...

Perguntas respondidas de uma forma simples e de fácil entendimento pela escritora Saara Nousiainen


Ouve-se muito falar em Espíritos sofredores. 0 que são eles?

Um Espírito sofredor é como alguém que muda para um país estranho, mas sem o cuidado de se preparar para a nova situação.

Todos sabemos que um dia teremos de fazer a "grande viagem". Ocorre que essa idéia nos assusta, nos apavora tanto que preferimos não pensar no assunto, e continuamos fazendo de conta que vamos viver para sempre.

Os outros irão, nós não. E então, um belo dia, chega a nossa vez. Morre nosso corpo físico e nos transferimos para a dimensão espiritual.

Que preparo é esse de que você falou?

Leia mais...


Os vestibulandos da Unesp (Conhecimentos Específicos) depararam-se, no último domingo (15), com uma questão no mínimo surpreendente. O enunciado trazia dois textos para explicar as capacidades morais e intelectuais do homem — o conceito filosófico do inatismo –, especialmente as habilidades no campo da Música. Um dos textos vinha de O Livro dos Espíritos, de Allan Kardec. O outro fora extraído de um artigo da revista Superinteressante, assinado por Nelson Jobim. O que explicaria o virtuosismo de alguns indivíduos?

Leia mais...

1 - Ao receber a mensagem do Além, para os seus livros, você fica consciente do que escreve ou só se reconhece ao terminar?

R - A obtenção de um livro mediúnico é trabalho árduo, que mobiliza todas as forças mentais e psíquicas do médium a serviço do agente comunicante, pois é transmissão de pensamento a pensamento. Nem todos os médiuns têm as mesmas características para a recepção desse gênero de trabalho. No que me diz respeito, sofro transe pronunciando, embora, não completo. Tenho consciência de mim mesma, mas qualquer rumor exterior me poderá perturbar. Por essa razão só escrevo altas horas da noite. Vou lendo o que escrevo como se se tratasse de um folhetim que me apresentassem. O impulso do braço e atordoamento é ligeiro, sem ser veloz. Às vezes, ouço o murmúrio do ditado como se se tratasse de um folhetim que me apresentassem. O impulso do braço é ligeiro sem ser veloz. Às vezes, ouço o murmúrio do ditado como se o espírito comunicante falasse aos meus ouvidos, o que facilita a recepção. Se a obra é de difícil captação, como Memórias de um Suicida e Nas Voragens do Pecado, o impulso vibratório do braço é menos rápido. Perco a noção do que me rodeia, mas não de mim mesma; somente me apercebo da tarefa que executo, por isso necessito de silêncio e tranquilidade. Às vezes, vejo as cenas que estou descrevendo, mas só me inteiro do conteúdo da obra, verdadeiramente, depois da sua publicação.

2 - Quantas obras já publicou e quais os seus autores?
R - Publicados tenho apenas onze, mas possuo várias outras inéditas, esperando oportunidade para virem a lume. Os autores são os espíritos de Adolfo Bezerra de Menezes, Camilo Castelo Branco, Charles, cujo sobrenome ainda desconheço, e Léon Tolstói. Nessas onze obras estão incluídas as duas constantes do volume Nas Telas do Infinito e as duas constantes do volume Dramas da Obsessão.

Leia mais...


Cadastre-se em nosso informativo
  1. Nome
    Digite o seu nome
  2. Email(*)
    Digite o seu email
  3. Captcha
    Captcha
      RefreshInvalido

   

Clube do livro - Agosto 2019

Pesquisa

Receba o Informativo

  1. Nome
    Digite o seu nome
  2. Email(*)
    Digite o seu email
  3. Captcha
    Captcha
      RefreshInvalido

PodCast do Miécio

PodCast Espirita no. 20 - Obsessão, desobsessão

PodCast Espirita no. 20 - Obsessão, desobsessão

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/ooZ0N1)     No...

PodCast Espirita no. 19 - Mudanças na terra, como agir?

PodCast Espirita no. 19 - Mudanças na terra, como agir?

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/LT27eq)     No...

Podcast no.: 18 - Deficiências, por quê?

Podcast no.: 18 - Deficiências, por quê?

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/5V1Vug)     No...