Durante a semana passamos por diversas dificuldades e as que nos abalam muito são as que passamos dentro do contexto familiar. É a lei do carma em ação, não é a toa que às vezes a presença de um amigo nos consola de tal maneira que nos perguntamos: Por que não me sinto assim com a minha família?

Estes são os PORQUÊS: Estas são as provas necessárias que precisamos passar, para que consigamos elevar os nossos sentimentos e avançar no nosso caminho da evolução.


Mas e o COMO? Como suportar e vencer essas provas.

Podemos buscar no Evangelho os ensinamentos necessários para conseguirmos isso. 
A LEI DO AMOR pode ser utilizada como base nas nossas vidas, para que consigamos buscar e alimentar o nosso amor diretamente da Fonte Eterna. Sim, há uma fonte de amor disponível para nós. Há uma fonte de amor para nós nos alimentarmos e doarmos para os nossos entes queridos.

"O amor resume toda a doutrina de Jesus, porque é o sentimento por excelência, e os sentimentos são os instintos elevados à altura do progresso realizado." Lázaro (Paris, 1862)

Segundo Fénelon (Bordeaux, 1861), nos mundos superiores, é o amor recíproco que harmoniza e dirige os Espíritos adiantados que os habitam. E o vosso planeta, destinado a um progresso que se aproxima, para a sua transformação social, verá seus habitantes praticarem essa lei sublime, reflexo da própria Divindade. Os efeitos da lei do amor são o aperfeiçoamento moral da raça humana e a felicidade durante a vida terrena.

Fénelon nos esclarece sobre o POR QUE das nossas provas, e Lázaro nos esclarece COMO SUPERAR.

Quando estamos com a nossa família, podemos nos encher de amor e encarar cada momento como uma oportunidade de doar este amor para todos, visando a harmonia. Às vezes precisaremos ficar quietos e sermos compreensivos, buscando ter no pensamento os sentimentos de amor e de que tudo fique bem, esses nossos pensamentos irão chegar até o nosso ente querido e ele será beneficiado pelo nosso amor. Pois como sabemos nós temos condições de enviar nossos fluídos para espíritos encarnados e desencarnados, através simplesmente da força do nosso pensamento. Ame, pense e exteriorize o amor.

"Deveis também vos elevar bem alto, para julgar sem as restrições da matéria, e assim não condenar o vosso próximo, antes de haver dirigido o vosso pensamento a Deus." Pascal (1862)

Naqueles momentos onde o nosso ente querido está nos julgando e nos acusando, colocando a nossa frente todas as nossas falhas e defeitos, em ações que o mal busca tomar conta do ambiente, podemos buscar na compreensão através do amor a força para purificarmos todo o ambiente em que estamos, amenizando assim os malefícios desta investida maléfica. O amor é sempre mais forte. Se gostaríamos que os nossos entes queridos fossem compreensivos com as nossas falhas, devemos dar o exemplo e compreender as suas falhas, principalmente porque sabemos o quanto as energias maléficas e espíritos desencarnados viciados buscam influenciar negativamente as pessoas mais próximas a nós, com o objetivo de nos atingir.

Pascal (1862) nos esclarece uma excelente maneira de como agirmos nestas situações: A todos os sofrimentos, dispensai pois uma palavra de ajuda e de esperança, para vos fazerdes todo amor e todo justiça. Começai por dar o exemplo vós mesmos. Sede caridosos para com todos, indistintamente. Esforçai-vos para não atentar nos que vos olham com desdém. 

Lembremos sempre de elevar os nossos pensamentos e sentimentos, buscando preencher o nosso corpo todo com amor. O amor ao próximo que é incontestavelmente a maior força que podemos ter seguindo o bom caminho da nossa evolução.

MEUS AMIGOS, o amor é um sentimento lindo e sério, buscar nele a melhor maneira de agir é um gesto sábio de quem estuda e pratica o Espiritismo. Sejamos verdadeiros sempre, mas busquemos o nosso Eu Interior mais puro, e não o nosso Eu Interior influenciado pelas nossas más inclinações. Olhar para o alto não é simplesmente ver as nuvens e os céus, olhar para o alto é aceitar que você é só amor em essência, é buscar resgatar a pureza que existe em você, cada vez mais.

"Mas vós já haveis progredido, vós que me escutais: sois infinitamente melhores do que há cem anos; de tal maneira vos modificastes para melhor, que aceitais hoje sem repulsa uma infinidade de idéias novas sobre a liberdade e a fraternidade, que antigamente teríeis rejeitado. Pois daqui a cem anos aceitará também, com a mesma facilidade, aquelas que ainda não puderam entrar na vossa cabeça." Sanson, ex-membro da Sociedade Espírita de Paris (1863)

Por:  Demétrius César Rodrigues.


Cadastre-se em nosso informativo
  1. Nome
    Digite o seu nome
  2. Email(*)
    Digite o seu email
  3. Captcha
    Captcha
      RefreshInvalido

 

Pesquisa

Receba o Informativo

  1. Nome
    Digite o seu nome
  2. Email(*)
    Digite o seu email
  3. Captcha
    Captcha
      RefreshInvalido

PodCast do Miécio

PodCast Espirita no. 20 - Obsessão, desobsessão

PodCast Espirita no. 20 - Obsessão, desobsessão

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/ooZ0N1)     No...

PodCast Espirita no. 19 - Mudanças na terra, como agir?

PodCast Espirita no. 19 - Mudanças na terra, como agir?

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/LT27eq)     No...

Podcast no.: 18 - Deficiências, por quê?

Podcast no.: 18 - Deficiências, por quê?

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/5V1Vug)     No...