Artigos


José Reis Chaves - 
Sacrifícios de sangue agradam apenas aos espíritos atrasados

Praticando o mal, traçamos o nosso destino provisório de sofrimento, pois vamos colhendo o que semearmos como nos ensinam as escrituras sagradas de todas as religiões. E, assim, vamos caminhando, até que consigamos a difícil passagem pela porta estreita, segundo o Mestre dos mestres, aquela que muitos querem, mas não conseguem passar por ela, e ao que eu acrescento que, por enquanto, muitos nem sequer querem passar por essa porta. Mas não faltará o momento de eles o desejarem e por ela conseguirem passar, como aconteceu com o filho pródigo da parábola, que, só após colher os amargos e disciplinares frutos da má semeadura que fez, despertou para a sua libertação.

Leia mais...

Meu caro amigo(a) e leitor(a): não se impressione com o barulho que a mídia está fazendo com o tema "violência no país". Há um exagero em tudo isso. É claro que vivemos um período difícil e ninguém está querendo "tapar o sol com peneira", mas também vivemos o mais importante momento na história humana.

Mais importante porque toda essa crise moral vai despertar a humanidade. Se o ser humano não foi capaz de acordar com o ensino em todos os tempos, a dor será capaz de finalmente acordar-nos para a realidade e finalidade de existir.

A caminhada humana sempre foi de lutas e cada um, por si só, pode atestar essa afirmação em si mesmo. Quem de nós não trava imensas lutas interiores na conquista daquilo que julgamos o melhor para a própria felicidade...?

O que temos verificado, principalmente no recente dezembro e começo do ano, foi aquela "enxurrada" de pedidos de paz e votos de felicidade no ano novo. Pois bem, entrou o ano novo e a violência acelerou-se. O que acontece?

É que ficamos na teoria. O que efetivamente estamos realizando para construir a tão sonhada paz? Temos nos interessado pela imensa massa humana carente que está ao nosso redor? Que passa fome (de comida e de afeto), que não tem emprego, que vive esquecida e desprezada... Crianças sem rumo, sem escola, idosos abandonados, doentes sem assistência e tudo o mais que está por aí... Posição pessimista? Não, pura realidade que qualquer um constata a cada passo.

Leia mais...

Todas as religiões cristães reverenciam, com extremado carinho e profunda gratidão, a figura ímpar de Maria de Nazaré, a sublime mãe de Jesus.
No Espiritismo - doutrina que se assenta em bases científicas, filosóficas e religiosas, sendo que, nesta última, como Cristianismo redivivo, caracteriza o Consolador prometido por Jesus - também aprendemos a reconhecer em Maria uma Entidade evoluidíssima, que já havia conquistado, há 2000 anos, elevadas virtudes, tornando-a apta a desempenhar na crosta terrestre tão elevada missão, recebendo em seus braços o Emissário de Deus que se fez menino para se transformar "no modelo da perfeição moral que a Humanidade pode pretender sobre a Terra." (1)
  Além do que se conhece nas antigas tradições religiosas, especialmente no Novo Testamento, encontramos na literatura espírita outros importantes dados biográficos de Maria, que vieram até nós por via mediúnica, naturalmente extraídos de arquivos fidedignos do Mundo Espiritual, revelando-nos que Ela continua até hoje zelando com muito carinho pela Humanidade terrestre, encarnada e desencarnada.

Leia mais...

 

 

No último 21 de setembro, proclamado pela ONU como Dia Internacional da Paz, e recentemente a data 2 de outubro ela proclama Dia da Não Violência. Estas datas comemorativas têm como intuito despertar as criaturas e sensibilizá-las para o tema, mesmo sabendo que verdadeira paz independa de leis, normas, códigos; ela depende da nossa decisão em nos tornarmos pessoas que vivenciam a paz. Para isso, auto educar-se, transmutando os hábitos de violência, seja física ou moral para hábitos saudáveis, nos quais exista o respeito ao próximo.

Leia mais...

Cintilância não é sinônimo de harmonia e paz.

Há claridade nos incêndios destruidores que consomem vidas e bens.

Resplendor sinistro transparece nos bombardeios que trazem a morte.

Reflexos radiosos surgem do lança-chamas.

Relâmpagos estranhos assinalam a movimentação das armas de fogo.

No Evangelho, porém, é diferente.

Comentando o Natal, o Evangelista Lucas assevera que o Cristo é a luz para iluminar as nações.

Leia mais...

Jorge Hessen

O sentimento e a sabedoria são as duas asas com que a alma se elevará para a perfeição infinita. O Espírito de Verdade adverte: "Espíritas: amai-vos, eis o primeiro ensinamento; instruí-vos, eis o segundo”. Tal pensamento tem sido amplamente divulgado nas hostes espíritas. O primeiro ensinamento é claro, reforçando a base cristã do Espiritismo. É a reprodução das palavras do Cristo, "Este é o meu mandamento: Amai-vos uns aos outros, como eu vos amo". O segundo amplia-nos a capacidade de raciocínio, por isso devemos estudar incessantemente a fim de amarmos com grandeza e liberdade.

Com o amor e a instrução alcançamos o avanço moral e adiantamento intelectual, ambos são imprescindíveis ao nosso progresso, sendo importante, contudo, ponderar a superioridade do primeiro sobre o segundo, porquanto o aspecto intelectual sem a moral pode oferecer numerosa perspectiva de queda, na repetição das experiências, enquanto que o avanço moral jamais será excessivo, representando o núcleo mais importante das energias evolutivas.

Leia mais...


Para todo Espírita consciente da importância e finalidade do Espiritismo no mundo, a data de 18 de abril, não representa apenas um dia para se comemorar, mas sim, um marco que dividiu a nossa visão sobre a realidade espiritual em antes e
depois.


Esta é a data em que recebemos do Codificador da Doutrina Espírita, O Livro dos Espíritos, que é certamente uma obra fundamental, para não cairmos nas armadilhas do misticismo ilusório.

É pela sua importância natural, que da Casa Espírita deve sempre ter disponível aos seus frequentadores e trabalhadores, grupos de estudos dedicados ao entendimento de O Livro dos Espíritos, e estimular todos a este estudo.
Não existe a menor possibilidade de um Centro Espírita manter sua saúde moral, sem cultivar e aproximar seus frequentadores dessa obra única. Seja nas palestras, nos estudos ou em todas as oportunidades possíveis, é tarefa intransferível dos que conduzem as Instituições Espíritas, cantar a importância desse livro.

Leia mais...

No mês de dezembro, as indefectíveis resoluções do Ano Novo. As pessoas listam iniciativas que visam melhorar a qualidade de vida, em vários aspectos.

Saúde: Queimarei gorduras indesejáveis, malhando na academia. Desenferrujarei as pernas com caminhadas diárias. Porei cadeado na boca, reduzindo o excesso de peso Deixarei de ser o bobo na outra ponta do cigarro aceso.

Vida familiar: Não implicarei com meu marido, por não pendurar a toalha de banho, guardar os chinelos ou limpar os sapatos ao entrar em casa. Não me irritarei com minha cara-metade, quando estiver “atacada”, nos dias de tensão pré-menstrual. Nunca mais direi que feliz foi Adão, que não tinha sogra. Não verei meus filhos como “aborrecentes” interessados em me enlouquecer.

Leia mais...

Roosevelt A. Tiago
www.roosevelt.net.br


As Casas Espíritas são mantidas por trabalhadores voluntários, porém, algumas observações podem ser importantes para entendermos a finalidade e importância desse trabalho.

Primeiro lembramos de que a Casa Espírita não é sua estrutura física, paredes, portas e janelas, pelo contrário, ela é o conjunto dos seus trabalhadores. Porém, numa primeira análise, podemos acreditar que a prioridade desse trabalho é a de promover a caridade aos outros e de manter o Centro Espírita e suas funções em funcionamento.

No entanto, existe uma finalidade maior no trabalho Espírita, que é a de melhorar o trabalhador.
Lemos em II João capítulo 1:8 “Olhai por vós mesmos, para que não percais o fruto do nosso trabalho, antes recebeis plena recompensa”.

Leia mais...

“625. Qual o tipo mais perfeito que Deus tem oferecido ao homem, para lhe servir de guia e modelo?” “Jesus”. O LIVRO DOS ESPÍRITOS

Considerando a alta significação do Natal em tua vida, podes ouvir e atender os apelos dos pequeninos esquecidos no grabato da orfandade ou relegados às palhas da miséria, em memória de Jesus quando menino; consegues compreender as dificuldades dos que caminham pela via da amargura, experimentando opróbrio e humilhação e dás-lhes a mão em gesto de solidariedade humana, recordando Jesus nos constantes testemunhos; abres os braços em socorro aos enfermos, estendendo-lhes o medicamento salutar ou o penso balsamizante, desejando diminuir a intensidade da dor, evocando Jesus entre os doentes que O buscavam, infelizes; ofereces entendimento aos que malograram moralmente e se escondem nos recantos do desprezo social, procurando-os para os levantar, reverenciando Jesus que jamais se furtou à misericórdia para os que os foram colhidos nas malhas da criminalidade, muitas vezes sob o jugo de obsessões cruéis; preparas a mesa, decoras o lar, inundas a família de alegrias e cercas os amigos de mimos e carinho pensando em Jesus, o Excelente Amigo de todos…

Leia mais...

A Sabedoria da Vida situou o Natal de Jesus frente do Ano Novo, na memória da Humanidade, como que renovando as oportunidades do amor fraterno, diante dos nossos compromissos com o Tempo.

Projetam-se anualmente, sobre a Terra os mesmos raios excelsos da Estrela de Belém, clareando a estrada dos corações na esteira dos dias incessantes, convocando-nos a alma, em silêncio, à ascensão de todos os recursos para o bem supremo.

A recordação do Mestre desperta novas vibrações no sentimento da Cristandade.

Não mais o estábulo simples, nosso pr6prio espírito, em cujo íntimo o Senhor deseja fazer mais luz...

Santas alegrias nos procuram a alma, em todos os campos do idealismo evangélico

Leia mais...


Cadastre-se em nosso informativo
  1. Nome
    Digite o seu nome
  2. Email(*)
    Digite o seu email
  3. Captcha
    Captcha
      RefreshInvalido

   

Clube do livro - Agosto 2019

Pesquisa

Receba o Informativo

  1. Nome
    Digite o seu nome
  2. Email(*)
    Digite o seu email
  3. Captcha
    Captcha
      RefreshInvalido

PodCast do Miécio

PodCast Espirita no. 20 - Obsessão, desobsessão

PodCast Espirita no. 20 - Obsessão, desobsessão

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/ooZ0N1)     No...

PodCast Espirita no. 19 - Mudanças na terra, como agir?

PodCast Espirita no. 19 - Mudanças na terra, como agir?

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/LT27eq)     No...

Podcast no.: 18 - Deficiências, por quê?

Podcast no.: 18 - Deficiências, por quê?

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/5V1Vug)     No...