Ela nasceu em Abaeté, Minas Gerais.   

Reside atualmente em Brasília e é dotada de uma voz surpreendente, conhecida nacionalmente por suas composições e músicas gravadas, mesmo algumas não sendo espíritas.

Está sempre recebendo convites para encantar com suas melodias em palestras e congressos, cantou inclusive para Divaldo Pereira Franco.

Vale á pena conferir seu canal no www.youtube.com/user/ElizabeteLacerda e assistir seus clipes.

Ela é Elizabete Lacerda.

ALEX - Bom Dia Elizabete, tudo bem?

ELIZABETE - Tudo ótimo! Graças a Deus!

ALEX - Que alegria entrevistá-la Elizabete, você sabe disso! Quando você começou a cantar? a 'en-cantar'(risos) com sua voz?

ELIZABETE - Acredito que todo cantor, começa quando criança ainda. Sempre ouço nas entrevistas, dizerem que cantavam desde criança! (risos) Esse foi o meu caso. Minha mãe, sempre trabalhava cantando no lar e os filhos entravam na “dança”. Somos 7. Formávamos um grande coro e o nosso ouvido foi se afinando enquanto crescíamos.

ALEX - E na Doutrina Espirita Cristã, quando você começou?

ELIZABETE - Em 1994, em Belo Horizonte, no Centro Espírita DIVINO AMIGO.

 

ALEX - Você consegue contar quantas músicas já gravou?

 

ELIZABETE - Sim! 62 canções.

ALEX - Como diria Jerônimo, "que beleza" Elizabete. E sua música "Luz Espírita" com Ery Lopes, como surgiu essa parceria e essa maravilha de música?

ELIZABETE - Na verdade, o Ery me encontrou no youtube e enviou-me um e-mail dizendo que havia gostado da minha voz e da forma que eu cantava. Nisso, sugeriu-me uma canção, Luz Espírita, na possibilidade de eu gravá-la. Enviou-me uma gravação em Mp3, com voz e arranjos dele , dando-me a liberdade de fazer um novo arranjo e também algumas modificações que julgasse necessárias. Assim fizemos! Um novo arranjo e umas poucas mudanças só para combinar as frases e a LUZ ESPÍRITA aconteceu tão lindamente. Sou muitíssimo grata ao Ery Lopes pelo presente que ele me ofereceu.

ALEX - Eu soube que a música "Teu Amor Conduz", sua irmã Saray entrou com a melodia e você com a letra, sem esquecer do piano do Ricardo Pimentel. Vocês chegaram a compor juntas outras vezes?

ELIZABETE - Minha irmã fez a música e eu fiz a letra. Ela é cantora profissional. Cantamos juntas por um tempo e depois, cada uma seguiu sua vida, marido, filhos...Ela tem várias composições e por sinal, lindíssimas. Você encontra no youtube, o lançamento mais recente dela: Saray – Vinde a Luz! Vale a pena conhecer.

ALEX - Eu conheci no youtube e estamos aí agora disponibilizando uma das muitas músicas dela em nossa entrevista (acima). E a música "Exílio", ela me toca profundamente, foi você quem escreveu para o Centenário de Chico Xavier?

ELIZABETE - Eu escrevi  "Exílio" no ano de 1996. Na verdade, uma psicografia que recebi numa reunião mediúnica. No centenário, usei-a para homenagear  Chico, porque se encaixava perfeitamente na trajetória dele.

ALEX - E a "Filhos das Estrelas", não poderia ter feito parte da trilha de Nosso Lar? É linda! É verdade que é sua canção favorita?

ELIZABETE - Sim! É a minha canção favorita. Acredito que ela só não foi tema do filme, porque o diretor não me conhecia ainda (risos).

ALEX - Falando em favorita, uma de minhas favoritas é a "Alma Gêmea", fale um pouco dela para nós.

ELIZABETE - Aquele poema, foi psicografia de Chico Xavier (Emmanuel), encontra-se no romance “Há dois mil anos”. Eu a musiquei num domingo de manhã, antes de iniciar o 'Culto no Lar' com meu marido e meus filhos. Foi também “uma psicografia” pois a melodia veio prontinha para eu encaixá-la no poema.

ALEX - De Emmanuel para Lívia, de Elizabete para todos nós! Maravilha! Mudando de assunto, eu fui católico por muito tempo, sempre ouvi e cantei "Renova-me" nas missas e em casa, quando á ouvi em sua voz, emocionei-me de mais, pois recordei dos bons momentos que passei ao lado de minha mãezinha desencarnada nas vezes que juntos a cantávamos. Emocionei-me também ao ouví-la cantar "Amar-te", pois nunca mais ouvira esta música, tínhamos uma banda na igreja e esta era minha predileta para cantá-la, eu sentia ela de verdade, até fechava os olhos (risos). Você também foi católica? Como é pra você gravar músicas assim?

ELIZABETE - Nascí em berço católico! Comecei a CANTAR PARA JESUS aos 12 anos de idade. O padre da minha cidade  me levava para os cultos nas fazendas e me punha a cantar...(risos) Eu adorava, pois, depois, eu ganhava uns cartuchos cheios de balinhas de amendoim passados no açúcar. Aos 14 anos fui tocar violão e cantar no grupo de jovens da cidade onde fiquei até completar 17 anos. As canções da Igreja Católica são muito belas. Gosto muito de cantá-las até hoje. Inclusive, faço questão de colocá-las nos CDs. Há 20 anos dedico-me aos estudos da Doutrina Espírita e não é por isso que vou deixar de apreciar as belas canções de outras religiões.

ALEX - Digo o mesmo, até hoje escuto cd's que ainda guardo daquela época : Mensagem Brasil, Vida Reluz, Ministério Ide, Padre Zezinho, Adriana, Fábio de Melo...sou da época em que ele era seminarista, acredita? (risos) Você tem contato com outros cantores de sua linha : Ana Ariel, Aline Barros, Vansan, Régis Daneses, Wanyr Caccia...?

ELIZABETE - Eu escuto tudo! (risos) Sou uma amante da música desse gênero. Tenho muito contato com cantores do DF: Jean Charles, Silvio Sodré, Tânia e Edênio, Flávio Fonseca, Alexandre Paredes, Lorena e Diego, Maicon Leal, etc. Gosto muito do Vansan, admiro o timbre de voz, a delicadeza no cantar, o repertório. Tim e Vanessa também são excelentes divulgadores da música Espírita.

ALEX - Aproveitando o gancho em que você comentou do Vansan, quero relembrar agora que ele estará conosco, em São José dos Campos, nesta 4ª feira, ás 19hs no C. E. Pequeno Templo da Fraternidade, na Praça das Antilhas, 30, na Vila Rubi, não percam! Desculpe Elizabete, mas voltando á entrevista, eu queria matar uma curiosidade particular minha (risos) De quem é aquela 'vozinha' angelical na introdução de sua música "Tum tum tum"?

ELIZABETE - Aquela é minha filhinha. Na época com 4 anos de idade. Hoje ela tem 5 anos e meio (risos) Ela faz questão do “meio”.

ALEX - A minha está também com 5 anos, mas já passou do meio (risos) faltam 2 meses para completar 6 anos (risos). Ela quer lhe conhecer, vou levá-la no Sarau amanhã. E a música "Aceita"?

ELIZABETE - Emmanuel tem um poema de nome “Aceita”. Tomei a liberdade de musicá-lo e adaptá-lo para que a letra e melodia combinassem. Pedi permissão em prece, para poder “mexer” em algo tão grandioso, como uma mensagem de Emmanuel. Eu acredito que Emmanuel não tenha se  chateado...

ALEX - ...Claro que não! Com uma canção dessa!

ELIZABETE - É uma linda mensagem e atinge em cheio a quem escuta a canção. É uma verdadeira “Evangelização Cantada”. Sou muito grata a Emmanuel, por esse poema.

 

ALEX - Nós também! E como você compõe? Precisa ser de madrugada? Você recebe mediunicamente? Como funciona?

ELIZABETE - Não tem uma hora marcada para isso. Muitas canções “são mediúnicas” ou “inspiradas". Já escrevi fazendo caminhada, no supermercado, de madrugada, a noite...não tem hora certa. Muitas delas, nas reuniões mediúnicas.

ALEX - Há um ano você lançou o album "Em Canto", que encanto (risos). Fale um pouco sobre seus Álbuns.

ELIZABETE - O Primeiro : Lado a Lado com o Amor; Um cd muito simples, voz e violão, sem mixagens, gravado em 2horas e meia de estúdio. Fizemos para angariar fundos para a nossa casa Espírita em Belo Horizonte que precisava urgente de recursos para se manter. De todos é o mais simples, porém o “mais espiritual”. A gente escuta e “cola” nele. É o mais vendido. Eu não sei explicar o porquê, mas é muito bem aceito mesmo não tendo uma qualidade musical de Studio .

O segundo: Filhos das Estrelas;

Para mim, o mais belo, o mais artístico, o que mais me custou fazer.

Acompanhado por um grande pianista, RICARDO PIMENTEL, que doou o seu dom para a realização do cd.

O terceiro: Com Deus;

É um cd de pedidos! As pessoas fizeram uma lista para que eu gravasse. Fui acompanhada por um violonista de 19 anos de idade. Um garoto, que adorou fazer os violões. O curioso é que neste CD você encontra canções de todos os credos. Não há preconceitos. As pessoas gostam muito deste álbum e eu também!

O quarto: Em Canto;Era um projeto que vinha há anos "martelando" minha cabeça. Eu precisava fazê-lo. São 10 canções, TODAS, sem exceção INSPIRADAS e psicografadas por mim. Deus me abençoou e me presenteou com esse trabalho. Fui apenas intérprete dos amigos espirituais que me concederam a honra de trazer a todos, letras e melodias tão significativas, tão lindas e educativas. Os arranjadores, Gregoree Júnior e Bruno Albuquerque, de Brasília foram corajosos e pacientes, pois até os instrumentos a serem usados vieram descritos para cada música. Ao final, tudo ficou muito lindo! E para completar, um anjinho doou sua voz mais linda ainda, para umas preces e umas falas no cd. Serei eternamente grata a Deus e aos amigos espirituais, por terem permitido a mim, desenvolver esse projeto. Muitas casas Espíritas estão “Evangelizando” com as canções desse Cd. Muitas Escolas estão usando nas salas de aula. Vai se alastrando...vai cumprindo sua missão... Assim seja! Graças a Deus!

ALEX - E o quinto cd?

ELIZABETE - Em andamento. Se Deus quiser, ainda para este ano o lançamento.

ALEX - Existe alguma música de outro cantor ou cantora que você gostaria de gravar algum dia?

ELIZABETE - Eu gravo músicas de muitos cantores. Vocês percebem isso nos CDs. Mas para o próximo cd, consegui permissão de WILSON FILHO de Uberaba, para gravar uma canção dele feita para Chico Xavier. Chama-se “TRIBUTO A UM AMIGO”. É maravilhosa! Emocionante. Eu tinha muita vontade de gravá-la e ele me cedeu os direitos. Fiquei muito feliz por isso. Aguardem!

ALEX - Como você enxerga hoje a divulgação da música espírita?

ELIZABETE - Muito boa! Hoje, melhor. Mais espaço, menos preconceitos.

Eu tinha vontade de extinguir de vez as classificações: MÚSICA ESPIRiTA, MÚSICA CATÓLICA, MÚSICA EVANGÉLICA. Acredito e repito mil vezes: a canção, é nosso sentimento elevado aos céus! Por isso, nunca deveria ser classificada, mas sentida e elevada a Deus. Cantores de todas as religiões, são inspirados da mesma forma que os Espíritas e as canções que traduzem paz, esperança, consolo e conforto, deveriam ser levadas a todos os cantos, sem preconceitos.

Quando estou fazendo uma apresentação, sempre pergunto: Posso cantar músicas que não sejam espíritas também? (risos) Sempre canto de tudo! Não tenho preconceitos e acredito que Deus também não classifica, mas recebe nossas vibrações de amor através das canções de todo e qualquer credo.

ALEX - Você já cantou em quais lugares por aí?

ELIZABETE - Em Belo Horizonte, muitoooo! Em algumas cidades de Minas Gerais, em Goiás, e creio que no Distrito Federal não haja lugar que eu ainda não tenha me apresentado. Ultimamente tenho cantado bastante em São Paulo. Espero continuar cantando sempre por aqui! Sou muito bem recebida por vocês!

ALEX - O que você espera de nossa Sarau em São José dos Campos, onde teremos também Carlos Augusto Abranches?

ELIZABETE - Meu desejo é que seja um evento maravilhoso e espero que o Carlos Augusto Abranches não me avalie como instrumentista, pois nunca fiz escola de música. Toco mal o violão, mas as pessoas gostam do "quase nada" que tenho á oferecer. Espero que possamos formar um grande coro, sem preconceitos e que a alegria seja a nossa melhor companheira amanhã!

ALEX - O Sarau será em prol de nossa 40ª Feira do Livro Espirita. Você já escreveu algum livro?

ELIZABETE - Ainda não! Mas já tenho material para isso. Estou aguardando a permissão do lado de lá!

ALEX - Agora um Pinga-Fogo com Elizabete Lacerda (risos)

- Música – Filhos das Estrelas.

- Violão – Um companheiro, meu instrumento de trabalho, meu presente de Deus.

- Familia - Minha âncora, meu refúgio, meu Sol.

- Espiritismo – Meu consolo, meu guia.

- Chico Xavier – Meu pai, meu irmão, meu amigo, meu exemplo.

- Allan Kardec - Professor.

- Jesus –  Ah! Meu caminho, minha estrela guia, meu tudo!

- Deus - O responsável por tudo, a benevolência, o amor puro, a verdade, a vida...

ALEX - Elizabete, obrigado por ter-me dado essa alegria de entrevistá-la, eu que sou tão admirador de sua voz e de seu trabalho. Obrigado pelo carinho de sempre e por nos dar a oportunidade de ouví-la ao vivo em nossa cidade, também por ter aceitado o convite dos organizadores e vir de Brasília para o nosso Sarau. Que Jesus continue a abençoar sua voz e seu trabalho.ELIZABETE - Alex, agradeço o carinho de todos vocês, principalmente o seu, deixo um abraço mais que especial ao Wendell e sua equipe, como também a todos de São José dos Campos pela consideração e atenção.

FONTE: http://alexscguimaraes.blogspot.com.br


Cadastre-se em nosso informativo
  1. Nome
    Digite o seu nome
  2. Email(*)
    Digite o seu email
  3. Captcha
    Captcha
      RefreshInvalido

 

Pesquisa

Receba o Informativo

  1. Nome
    Digite o seu nome
  2. Email(*)
    Digite o seu email
  3. Captcha
    Captcha
      RefreshInvalido

PodCast do Miécio

PodCast Espirita no. 20 - Obsessão, desobsessão

PodCast Espirita no. 20 - Obsessão, desobsessão

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/ooZ0N1)     No...

PodCast Espirita no. 19 - Mudanças na terra, como agir?

PodCast Espirita no. 19 - Mudanças na terra, como agir?

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/LT27eq)     No...

Podcast no.: 18 - Deficiências, por quê?

Podcast no.: 18 - Deficiências, por quê?

  .. Download   No computador     Download mp3 (https://goo.gl/5V1Vug)     No...