fbpx
HomeVídeosPodcast EspíritaMiécioPodcast no.: 08 - Reforma íntima para pessoas comuns : Obsessores, como você gerencia isso ?
Quinta, 15 Setembro 2011 20:16

Podcast no.: 08 - Reforma íntima para pessoas comuns : Obsessores, como você gerencia isso ?

 

.. Download
  No computador  
  Download mp3  
  No celular
Ainda continuando a abordar o tema Reforma intima para pessoas comuns, hoje vamos falar de Obsessão, como gerenciar isto, como melhorar a qualidade de vida da atual encarnação e das próximas.      
       

Gostou?   Curte, compartllhe, comente,ajude-nos a divulgar conhecimento

    Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 


Transcrição do podcast :

Ola ouvinte do Podcast Espirita.
Oobjetivo deste podcast é sempre trazer informação, explicação para que você possa refletir e despertar o seu melhor.
É sempre um prazer estar aqui com você.

Para você que esta aqui pela 1a. vez, meu nome é Miécio.
Todos os podcasts estão disponíveis no site www.institutochicoxavier.com, na seção Podcast
No final de todo podcast teremos a seção de meditação.
Mas, porque uma seção de meditação ? Para você relaxar, para se sentir bem. E para aprender a relaxar um pouco quando quiser.
No nosso podcast no.: 08 continuarei falando sobre reforma intima.para pessoas comuns, hoje falaremos sobre o subtema : “Obsessores, como você gerencia isto ?”.

O que é obsessão ?

No Evangelho segundo o espiritismo, no capitulo 28, kardec nos diz que A obsessão é a ação persistente que um Espírito mau exerce sobre um indivíduo. Apresenta caracteres muito diversos, desde a simples influência moral, sem perceptíveis sinais exteriores, até a perturbação completa do organismo e das faculdades mentais.

Existe uma intensa atividade permeando o universo físico e o espiritual. Forças e energias espirituais influenciam a vida dos encarnados, muitas vezes de forma negativa, provocando comportamentos e atitudes negativas, criando uma atmosfera densa de ódio e desespero. Esses espíritos ligados aos vivos e distantes da grande Luz Divina, vivem só para isso. Estamos falando dos obsessores.

Se pudéssemos enxergar o mundo espiritual como vemos o universo físico, perceberíamos um grande número de espíritos passando por nós a todo instante: em nossas casas, no trabalho e nas mais diversas atividades, tanto interagindo como atuando junto ao mundo dos encarnados.

Esses espíritos vivem imersos em correntes energéticas e emocionais de ódio, raiva, egoísmo, amor não-correspondido, entre outras emoções, e estão de tal forma presos ao plano físico que muitos acreditam ainda estar em seus corpos carnais. Assim, vivem próximos das pessoas com as quais um dia conviveram,  afastando-se dos planos espirituais mais elevados e atrasando sua reencarnação.

Entre esses espíritos, ainda existem aqueles que têm a consciência de que estão mortos e que não habitam mais um corpo físico; mas como ainda estão presos às vibrações mais baixas do mundo espiritual, realizam ações que visam prejudicar os vivos e atrapalhar ao máximo a vida e a evolução espiritual de suas vítimas encarnadas. Esses espíritos são os que chamamos de obsessores.

Na Terra, existe um sem-número de forças espirituais, e nem todas com “boas intenções”. Nosso planeta passa por fase de transição. Estamos passsando do mundo de provas e espiações para um planeta de regeneração .

Mas o que gera o processo de obsessão ?
Bom, mas causas mais comuns são
1 – Erros de outras vidas e dessa tb

2 – Amores de outras vidas.

3 - Similaridade de pensamento

4 - os trabalhadores religiosos ( sejam eles espiritas, umbandistas ou de qualquer outra religição ou doutrina )são um grande alvo de obsssessão, pois os obsssessores neste caso querem atrapalhar os trabalhadores, não quer que os rtabalhadores libertem ou curem pessoas que precisam de ajuda.

Vamos começar pelos erros de outras vidas e dessa também

Voce pode me dizer que não fez nada de errado nesta vida

Vamos analisar alguns dados.

Cerca de 40.000 anos antes de cristo. O homem O Cro-Magnon. possuía altura acentuada, membros retos e peito amplo, como também, a capacidade craniana, o que provou através da arte, da magia e da vida social.

Ok, 40.000 antes de cristo + 2.000 depois de cristo

Vamos arredondar alguns números e fazer um calculo arredondado

Vamos supor que ficamos 100 anos encarnado e 100 anos desencanado. São cerca de 200 anos para cada passada.
Fazendo as contas são cerca de 210 encarnações

Isso levando em conta que não viemos de outros planetas, que não somos espiritos mais antigos, ou talvez mais novos.
Certo..210 encarnações

Agora, vamos analisar a encarnação atual
Vc já traiu sua esposa, seu marido ? Ele descobriu e tem uma raiva enorme de você ?
Ou talvez você seja separado por algum outro motivo e a outra pessoa te odeia ?
Na sua empresa você já foi responsabel por alguém ser despedido ? Já ganhou o cargo de alguém a força ?

Vc já se envolveu em acidente de transito ? Alguem já se machou de verdade? Já matou alguém no transito ?
Já trabalhou com compra hostil de empresas no qual centenas perdem seus empregos ?
Não, ótimo para você.
Estou somente listando alguns motivos que com uma margem grande de certeza você ganhou algum obsessor.
Certo, das pessoas prejudicas de alguma forma, só nessa encarnação
Vamos levar em conta ainda mais alguns dados.
Vivemos numa sociedade dita como civilizada, se você conhece um pouco de historia, sabe que nem sempre foi assim. Então, se agora você tem 2 ou 3 pessoas que provavalmetne vão ser seu obsessor algum dia, imagina nas vidas passadas quando a sociedade era menos civilizada, ou melhro ainda, mais animalizada.

Hum..tá ficando feio a coisa hein.


Outro dia li um livro sobre terapias de vidas passadas ( TVP ) no qual se contava 126 encarnações anteriores da mulher. Em todas elas, ela se batia com a atual marido, em 126 encarnações eles não conseguiram se acertar.

O obsessor é um espirito mau ?
Não necessariamente.
Mas porque talvez não?
Vamos pensar, se nesta vida, alguém mata você na facada, mata sua esposa e machuca seus filhos, deixando-os sozinha nesse mundo. Do outro lado, você não vai dar um jeito de perseguir e prejudicar de todas as maneiras a vida dessa pessoa ?
Então, em encarnações passadas, você já deve ter prejudicado muita gente. Muitos desses com certeza estão atras de você, cobrando os erros passados, fazendo de tudo para lhe prejudicar.
Nesse exemplo, você é mau ? Não exatamente, você é uma pessoa prejudicada que esta tentando dar o troco.

Amores de outras vidas

Acho que aqui poderiamos mudar o nome para amores obsessivos de outras vidas que não aceita o desencarne ficam próximo da pessoa amada.

Similaridade de pensamenteo

Já foi tema de outro podcast, mas se você cultua maus pensamos, vai atrair espiritos similares para você, eles podem gostar de você e ficar por perto., ou no minio se sentirem confortavel com a sua vibração, sua energia e ficarem por perto.

Sobre os trabahadores espiritas.
Como os trabalhadores espiritas libertam muitas pessoas, quebram muitos laços de obsesssão, eles são um grande foco de obsessao. Pois os maus espiritos querem lhe desestablizar para atrapalhar o trabalho prestado, desestabilizar o centro trabalhador.

 

Aproveite enquanto esta encarnado, para se acertar com todos com quem errou, depois de desencarnado, as coisas podem ficar mais complicadas.


Kardec nos diz ainda que:

Do mesmo modo que as doenças resultam das imperfeições físicas, que tornam o corpo acessível às influências perniciosas exteriores, a obsessão é sempre o resultado de uma imperfeição moral, que dá acesso a um Espírito mau. A causas físicas se opõem forças físicas; a uma causa moral, tem-se de opor uma força moral. Para preservá-lo das enfermidades, fortifica-se o corpo; para isentá-lo da obsessão, é preciso fortificar a alma, pelo que  necessário se torna que o obsidiado trabalhe pela sua própria melhoria, o que as mais das vezes basta para o livrar do obsessor, sem recorrer a terceiros. O auxílio destes se faz indispensável, quando a obsessão degenera em subjugação e em possessão, porque aí não raro o paciente perde a vontade e o livre-arbítrio.

Quase sempre, a obsessão exprime a vingança que um Espírito tira e que com freqüência se radica nas relações que o obsidiado manteve com ele em precedente existência. Kardec, no livro dos espiritos, nos diz :

478. Pessoas há, animadas de boas intenções e que, nada obstante, não deixam de

ser obsidiadas. Qual, então, o melhor meio de nos livrarmos dos Espíritos obsessores?

“Cansar-lhes a paciência, nenhum valor lhes dar às sugestões, mostrar-lhes que perdem o tempo. Em vendo que  nada conseguem, afastam-se.”

479. A prece é meio eficiente para a cura da obsessão?

“A prece é em tudo um poderoso auxílio. Mas, crede que não basta que alguém murmure algumas palavras, para que obtenha o que deseja. Deus assiste os que obram, não os que se limitam a pedir. É, pois, indispensável que o obsidiado faça, por sua parte, o que se torne necessário para destruir em si mesmo a causa da atração dos maus Espíritos.”

Ou seja, melhore seus pensamos, suas atitudes para com todos.
Vigie-se 24 horas por dia.

As melhores maneiras se livrar dos obsessores de outras vidas e dos provavéis da atual são a preçe a um melhor modo de agir. Procure todas as pessoas que de alguma maneira tenha prejudicado ou no minimo tenha agido mal com ela e conserte a situação. Ore todos os dias, todas as noites, lembre-os que você não tem como ajuda-los aqiu encarnado ( +- já explico melhor ), mas que algum dia você vai dar um jeito de repara-los pelos erros cometidos. Peça aos bons amigos que ajudem os nossos obsessores, que lhes abram a mente, que tentem lhe oferecer ajuda.

Os mediuns normalmente tem uma gama “de amigos”, melhor, de antigos erros ainda desencarnados que podem ser ajudados. Medium tem que trabalhar e cumprir sua missão.

A prece, mesmo que seja uma oração pessoal e singela, é de grande valor na prática da cura da obsessão. Ela deve ser acompanhada por meditações e pelo aprofundamento da vítima nos assuntos espirituais, pois isso lhe dará os recursos necessários para ir além e renascer para uma vida plena e livre das vontades obsessoras.

A família é uma grande chave para a cura da obsessão. É ela que torna possível a recuperação do obsediado, que fortalece a vítima por meio da infinita energia do amor e lhe dá a chance de recuperar o controle sobre sua vida. Recomenda-se a todos seguirem a prática espiritual da prece e a leitura de material espiritual inspirador. Dessa forma, cria-se uma corrente fluídica positiva em torno de todos, gerando a elevação da freqüência vibracional dos espíritos em volta das pessoas que estão imersas na situação; assim, elas recebem cada vez mais força e energia desses espíritos iluminados, gerando um círculo virtuoso e próspero de amor e luz.

A perseverança é a ferramenta principal para a libertação do obsedado, e ela é necessária para seguir o tratamento e atingir os objetivos e metas com plenitude, paz e liberdade. A Bondade Divina atende a todos mediante o empenho de cada pessoa, por meio de suas ações e dedicação.

Lembre-se de Jesus, trate a todos com amor, com paciencia, com tolerancia.

Nunca se esqueça de não julgar para não ser julgado.

Agora vamos a 2a parte do nosso podcast.

Vamos para nossa meditação

Feche seus olhos e respire bem fundo, se encoste em algum lugar macio, gostoso , aconchegante

Respire, respire bem fundo e aspire bem devagar, compassadamente

Enquanto você respira, você vai relaxaando mais e mais um pouco

Imagine um linda luz, uma linda luz azul em volta de todo oseu corpo

Vamos viajar, vamos viajar por um jardim
se transporte para um lindo lugar, imagine o seu azul, um lindo jardim, um dia ensolarado, o ceu azul claro, olhe o horizonte, olhe o sol, caminhe pela grama, sinta seus pés descalsos, entre em contato com a terra, entre em contato com a energia da terra.
Vamos fazer hoje um exercico de limpeza

Sinta uma luz violeta, desce do tpo de sua cabeça e sinta que na sola dos séus pés a terra vai puxar toda a energia negativa que esteja dentro do seu coração.

Enquanto você imagina que a luz vileta desce, você relaxa mais e mais mais

Acalme a mente, acalme o coração

Se você quiser, você pode imaginar uma grande arvore, e as raizes, retirando a negatividade pelas solas de seus pés, e a luz violeta passa por sua testa, passa pelo seu coração, descendo, e a energia sai na sola dos seus pés, sinta a energia negativa saindo pela sola dos seus pés.

E o seu coração via ficar mais leve

até que a luz violeta, a chama violeta, brilha bem forte na sola dos seus pés, talvez você possa sentir um calor nos pés

Caminhe pelo campo, se sentindo leve, sentindo alivio, e você vai imaginar um lindo lago, um lago tranquilo, procure um lugar gostoso para você sentar e relaxar.

Pense que a agua purifica suas emoções, puritfica teus pensamentos

lembre-se que deus te ama incondicionalmente

Fique com deus, até semana que vem.

 

Last modified on Segunda, 18 Julho 2016 21:20

A vida de Chico Xavier

Cadastre no nosso informativo

Informativo

  • Incorporação e possessão

     




    Fonte :
    Letra Espírita - Por : Silvio Junior

    Quando se fala em espiritualidade de modo geral, são diversos os temas tratados, onde por vezes alguns assuntos polêmicos dividem crenças e opiniões em relação a isso ou aquilo, no tocante a possíveis fenômenos observáveis através dos chamados “médiuns”, termo este criado por Allan Kardec durante a codificação do Espiritismo para identificar aqueles que serviam como meio de comunicação entre os planos material e espiritual.

    Leia mais...
  • Invigilância: a porta para a obsessão




    A existência dos fatores predisponentes - causas cármicas - facilitam a aproximação dos obsessores, que, entretanto, necessitam descobrir o momento propício da sintonia completa que almejam.

    Leia mais...
  • Suicídio inconsciente




    Fonte:
    Rádio Boa Nova - Por : Maria Izilda Netto

    Incontável o número de pessoas, em dado momento de suas existências, por motivos variados, resolveu que não era interessante continuar a viver.

    Fosse a existência contida nos limites do berço ao túmulo, sem dúvida, o suicídio seria a grande solução para os problemas e dores da Terra.

    Leia mais...
  • A tristeza segundo Deus


    Por: Eduardo Rossatto

    Segundo Paulo de Tarso na sua segunda carta aos Coríntios (7:10), há dois tipos de tristeza: a tristeza segundo Deus e a tristeza segundo o Mundo. A segunda é a lamentação, as queixas e o tédio. Sofrimento inútil que não é sublimado e que se perde na letargia.

    Leia mais...
  • Injustiça e maldade

     

    Por: Eduardo Rossatto

    Nem sempre é fácil testemunhar injustiças e maldade. O mesmo ocorreu com Simão Pedro em um determinado dia, cerca de onze anos após a crucificação do Mestre, como Humberto de Campos (Irmão X) relata no capítulo 23 da obra "Contos desta e doutra vida".

    Leia mais...

Cadastre-se em  nosso informativo :

 


 




Desde 2010 divulgando a Doutrina Espírita.


Clube do livro




Todo mês um livro novo em sua casa.
Clique aqui e cadastre-se.

Clube do livro

Conheça nosso clube do livro.

Receba todo mês um livro na sua casa.


Cadastre-se aqui para aproveitar.

Contato